26/09/2016 13:24:00

Novo Bruxa de Blair em cartaz no Vale do Aço

Bruxa de Blair, candidato ao melhor filme do gênero terror de 2016 já está em cartaz no Vale do Aço




Cartaz do Filme Bruxa de Blair

The Woods, ou Bruxa de Blair, a nova trama de terror do diretor Adam Wingard! O filme lançado dia 16 de setembro nos EUA, chega ao Brasil com tudo, inclusive no Vale Do Aço (Quinta-feira dia 22 de Setembro).

Considerado o melhor dos filmes de horror dos últimos dez anos, o longa também já é candidato ao melhor filme do gênero terror de 2016.

Na trama, um grupo de estudantes de Milwaukee vai acampar em uma das florestas da região em que um dos jovens entra numa busca pela irmã desaparecida, mas acaba descobrindo que a floresta esconde seres perigosíssimos.

O filme é uma sequencia de Bruxa de Blair, ele resgata o gênero “found footage”, que começou a fazer muito sucesso em 99 com o enredo original. Este gênero (sugerido na década de 80 e muito usado para filmes de terror) representa um falso documentário em que as cenas vistas são como arquivos gravados pelos próprios personagens.

Para relembrar a obra de 1999, o novo Blair Witch veio com tudo e sem sutilezas. O filme, apesar de apresentar simpáticos personagens, teve alto investimento em cenário sombrio, fatos sobrenaturais e muito medo. A trama tem certa fidelidade à obra original, mas não economiza na exploração do gênero que continua provocando nos fãs uma dose alta de ansiedade e angústia, mas desta vez com mais tecnologia e modernidade.

O filme já está em cartaz no cinema do Vale Do Aço em Ipatinga e você pode aproveitar a promoção do Portal Diário Do Aço para concorrer a pares de ingressos.Clique aqui.



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Reação dos Leitores





Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário