06/01/2017 17:26:00

Presença de Neto emociona atletas no recomeço oficial da Chapecoense



Divulgação


De muletas, Neto serviu de motivação para novo grupo de atletas e dirigentes
A sexta-feira começou com a emoção tomando conta da Arena Condá, em Chapecó (SC). A casa da Chapecoense que, após ter sido palco de tantas glórias, nos últimos dias foi símbolo da dor, resultado da tragédia que vitimou time, comissão técnica, diretores e jornalistas, finalmente ilustrou o recomeço do clube catarinense. 

Quando a maioria da imprensa se posicionava para conhecer os novos atletas que defenderão a Chape na próxima temporada, o zagueiro Neto chegou à zona mista, se dirigiu ao vestiário, colocou à camiseta de treino e se reapresentou, junto aos novos companheiros de equipe. Um sopro de esperança na garra de um dos sobreviventes da tragédia. 

Apesar das mudanças, foi possível perceber uma sintonia no elenco. A harmonia, inclusive, foi destacada pelo diretor Executivo de Futebol, Rui Costa, que ficou impressionado ao ver os jogadores diminuírem o ritmo para acompanhar o passo de Neto, que ainda se movimenta com dificuldade.

O gesto, apesar de singelo, denota a disposição de todos os atletas, dos que chegaram cedidos por outros times ou da base, aos que permaneceram das últimas temporadas, em remar na mesma direção, tendo como objetivo a reestruturação do clube. 

Para encerrar a apresentação oficial, o presidente da Chapecoense, Plinio David De Nes Filho, falou diretamente aos atletas, desejando boas-vindas e uma caminhada repleta de lutas, determinação e esperança. 

Após a solenidade, o zagueiro Neto iniciou os tratamentos de fisioterapia e os demais atletas passaram por avaliações e trabalhos na academia da Arena Condá. Na parte da tarde, às 17h, foi realizado o primeiro treino da temporada no CT Água Amarela.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário