10/01/2017 17:59:00

Empresa volta a dar baixa em multas de trânsito pagas em Timóteo

Inadimplência vinha provocando atrasos e prejudicando proprietários de veículos em Timóteo



Divulgação


Nos últimos meses, devido à inadimplência do município em relação ao repasse dos valores na administração anterior, a GCT não vinha encaminhando os pedidos de baixas nas multas de trânsito

A Prefeitura de Timóteo e a empresa Gerência de Controle de Trânsito (GCT), que administra os equipamentos de fiscalização, instalados nas ruas do município de Timóteo, firmaram um acordo para voltar a dar baixa nas multas de trânsito de proprietários de veículos que já efetuaram o pagamento dos valores.

A empresa GCT realiza manutenção nos radares de controle de velocidade e de avanço de sinal implantados no município e a coleta das multas aplicadas, sendo responsável pelo repasse das informações sobre baixas em multas já pagas pelos contribuintes para a empresa de Processamento (PRODEMGE).

Nos últimos meses, devido à inadimplência do município em relação ao repasse dos valores na administração anterior, a GCT não vinha encaminhando os pedidos de baixas nas multas de trânsito para a PRODEMGE, prejudicando proprietários de veículos, que reclamaram muito da situação. Sem a baixa nas multas, não há como conseguir documento de licenciamento ou transferência de veículo e nem a retirada de pátios, caso tenha sido guinchado.

O acordo feito após reunião entre a Procuradoria Jurídica do Município e representantes da empresa GCT prevê que, a partir da próxima semana, os pedidos de baixas nas multas voltem a ser encaminhados para a PRODEMGE, liberando os veículos dos proprietários que já efetuaram o pagamento.

Segundo o Procurador Jurídico, Jonair Cordeiro, o município se comprometeu a regularizar o repasse de valores para a empresa GCT para manutenção do serviço no município, a fim de não penalizar os contribuintes. O secretário da Fazenda, Teko Resende, lembrou que “o município está se esforçando para efetuar o pagamento dos débitos pendentes para a manutenção de um melhor serviço a todos”.





Envie o seu Comentário