10/04/2017 09:58:00

BR-381 é liberada em Belo Oriente

Em protesto por emprego na Cenibra e reabertura de agência bancária, populares mantiveram rodovia fechada por seis horas



Com atualização de dados às 13h40
Enviada por leitor


Tropa de choque da PM chegou a fazer formação, mas protesto terminou sem confronto com as forças policiais


Terminou por volta de 12h30 desta segunda-feira, a manifestação de um grupo de moradores do distrito de Perpétuo Socorro (Cachoeira Escura), em Belo Oriente.

Reivindicando empregos na obra de expansão da Cenibra e a reabertura da agência do Banco do Brasil, fechada depois de um arrombamento, dezenas de pessoas interromperam o trânsito na rodovia, em frente à fábrica da Celulose Nipo-Brasileira (Cenibra).

Além das pistas da BR-381, os manifestantes também fecharam a via paralela, que dá acesso à portaria da fábrica de celulose.

Em nota enviada ao Diário do Aço, a Cenibra confirma que a manifestação foi realizada a partir das 6h30, idealizada por vereadores de Belo Oriente e Conselho Comunitário de Segurança Pública (Consep), com apoio do deputado estadual Celinho do Sinttrocel, com o objetivo de reivindicar oportunidade de emprego na indústria e uma agência bancária no distrito.

“Na ocasião, além de faixas e gritos de ordem, manifestantes soltaram foguetes, inclusive direcionando os fogos para dentro da empresa. A rodovia federal também foi interrompida. O trânsito foi restabelecido às 12h23”, informa em nota a assessoria da Cenibra.

“A Cenibra respeita toda forma de manifestação desde que seja pacífica, ética e responsável, e esclarece que a respeito do pleito dos manifestantes irá se pronunciar oportunamente”, conclui a nota.


Carregando faixas e cartazes, os populares gritaram por empregos. Afirmaram os moradores do distrito que há pessoas em grande dificuldade porque não conseguem trabalho e reivindicam prioridade nas contratações da Cenibra. “Estão contratando pessoas de fora, enquanto os pais de família daqui estão sem empregos”, explicou um dos manifestantes em mensagem enviada ao Diário do Aço.

Por causa da manifestação, que fechou a BR-381 nos dois sentidos, inclusive as pistas laterais, do acesso às instalações da fábrica, o trânsito foi completamente parado na BR-381. Filas que se estenderam por mais de cinco quilômetros se formaram nos dois sentidos da rodovia, conforme apurou a reportagem do Portal Diário do Aço.

A Polícia Rodoviária Federal esteve no local em negociação para a liberação da pista, que se arrastou por toda a manhã. Já a tropa da Polícia Militar se posicionou em formação para um combate, que não foi necessário. Ao fim da negociação entre os populares e os policiais, as pistas foram liberadas sem o uso da força.

Nota de esclarecimento
Em virtude de notícias veiculadas na segunda-feira (10), o Conselho Comunitário de Segurança Pública de Perpétuo Socorro (Consep) vem esclarecer que a participação dos membros do Conselho, senhores Gilson Lacerda e Dalbert Felix, na manifestação social que fechou o trânsito na BR-381 e no acesso à Cenibra, foi em exercício do direito constitucional de liberdade de manifestar dos participantes, respectivamente, Comerciante e Professor no Distrito de Perpétuo Socorro. E deve ser ressaltado que ambos participaram como cidadãos livres e como tal, participaram do manifesto, porém, em momento algum organizaram ou estimularam o referido movimento. Por fim, o conselho enfatiza que a participação dos membros acima, reflete o exercício da cidadania, sem, contudo, referir-se ao Consep de Perpétuo Socorro.




MAIS FOTOS
Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Tatiane

12 de Abril, 2017 | 09:59
Existe uma lei Municipal.que e obrigatória fixar alguma porcentagem de trabalhadores da cidade..que façam valer a lei...apoio a atitude dos manifestantes.

Lucas

11 de Abril, 2017 | 13:27
Não existe conseguir emprego na marra, muitos ai gosta de usar droga, beber cachaça, bater na mulher e brigar com o vizinho. Prejudicar o cidadão de bem não vai resolver nada, quer manifestar vai na câmara de vereadores, de deputados, vão pra Brasilia. A, E ESTUDAR TAMBÉM

Márcio Bidi Pezão

11 de Abril, 2017 | 13:15
NÃO REFRESCA NÃO !!!

Duvida

11 de Abril, 2017 | 10:31
Sera que o revoltado nao estava e com fome nao ate pela hora com certeza neh kkkkkk

Sebastião

11 de Abril, 2017 | 07:36
Por que não procuram direitos, que os políticos nos tiram? Um representante
da comunidade, contribuir para impedir o direito de ir e vir do povo trabalhador,
é pessoa culta com estão afirmando? Político desse cabedal, merece respeito? Manifestar, é de direito,
mas, não tem o direito de prejudicar o cidadão de bem. A pessoa que prejudica o
outro, tem outro nome. Quando os políticos (traidores dos trabalhadores) contribuíram
para roubar os empregos do povo, ninguém manifestou. Se os 12 milhões de desempregados,
manifestarem,atrapalhando o trânsito, para toda nação. Façam manifestações, mas, com respeito
aos direitos dos outros, observando ações e atitudes dos políticos.


Eduardo

11 de Abril, 2017 | 07:14
Na truculência nada se resolve. Pessoas em dificuldades, e o país está cheio delas, são incentivadas por pseudo lideranças a fazer esses movimentos que não levam a nada. Pior afasta a população prejudicada da causa, deveriam protestar contra o poder público que gere muito mal as receitas oriundas dos impostos da empresa. Belo Oriente tem uma das maiores rendas per capita do estado e após ter trabalhado 16 anos na empresa entendo bem porque a região nunca se desenvolveu, como outras onde existe uma fábrica de celulose.

Revoltado 2

10 de Abril, 2017 | 18:01
Muitos desses manifestantes nao aceitavam trabalhar na empresa e prestadores de serviços que tem la alegando baixo salario. Preferiam ir para o trecho,agora nao tem serviço no trecho reivindicam esse serviço

Sincera

10 de Abril, 2017 | 16:15
" Sr.Revoltado " O Distrito Perpétuo Socorro pode ser pequeno e grande parte da população é humilde . Mas não generalize, pois sou morador e sei bem o que é sofrer para ter um técnico e superior ja que a cidade Belo Oriente não oferece nenhum suporte para isso, assim como eu muitos tem perfeitamente qualificações e cursos para está apto a ser contratado, só pra ter idéia os estudantes precisam pagar onibus particular para poderem ir estudar nas faculdades e escolas tecnicas de Ipatinga. Te convida a ir numa tarde a partiti de 17:30 na Praça da Av. Princial de Perpétuo Socorro para ver mais de 10 onibus e várias vãs levando alunos para estudarem todos os dias! Por isso não somos uma aldeia, muito menos analfabetos... Apenas com mal adiministrado pelos politicos da cidade.

Gisele

10 de Abril, 2017 | 16:00
REVOLTADA eu fico ao ver os comentários sem sentido de algumas pessoas que se dizem tão qualificadas.
PARABÉNS a população pela iniciativa, estão mais que certos de lutarem pelo que lhes é de direito...

Ozias Pereira de Paula

10 de Abril, 2017 | 13:53
Acabei de passar pelo trecho entre a Cenibra e Ipatinga enfrentado lentidão no trânsito. A interdicao já havia acabado, talvez pela ação das forças de segurança: contei pelo menos doze viaturas e uns cinquenta policiais na portaria da Cenibra. Embora o método não seja correto, considero justo o clamor dos moradores de Cachoeira Escura. Apesar da baixa escolaridade, são pessoas de bem em busca de sobrevivência.

Revoltado

10 de Abril, 2017 | 11:48
Querer emprego desse jeito até eu quero. Grande parte desses manifestantes não têm segundo grau completo ou outra capacitação para trabalhar na empresa. É necessário QUALIFICAÇÃO para trabalhar. Interditam a BR, impedindo o direto de ir e vir das pessoas, ao invés de estudar. Estou aqui agarrado nesse inferno, sem pode exercer meu trabalho que foi conquistado com MÉRITO, por causa desse bando que busca emprego "na marra"! A polícia precisa agir para resolver isso!
Envie o seu Comentário