18/04/2017 21:45:00

Moradores de Açucena são torturados em assalto

Vítimas foram queimadas durante as várias horas que estiveram sob o poder dos bandidos



Com atualizações às 06h34 - 19/04

Enviada para o WhatsApp Portal Diário do Aço


As vítimas foram torturadas fisicamente e psicologicamente, ficando com queimaduras nos braços

O aumento da violência nas áreas rurais assusta os moradores na região. Após várias horas sob o poder de bandidos, uma família foi submetida a torturas pelos criminosos que invadiram a residência no povoado de São Mateus, na zona rural de Açucena. Foram roubados veículos e outros objetos, na madrugada desta terça-feira (18/4).

O pesadelo da família começou por volta das 20h de segunda-feira, conforme relataram as vítimas, como apurou o Portal Diário do Aço. Quatro assaltantes armados, usando um Chevrolet Agile na cor prata, renderam J.A, de 68, e o filho dele C.C.A., de 31 anos, na Fazenda São Mateus. Eles chegaram ao local e atraíram J.A., perguntando se ele tinha gasolina para vender.

Sem desconfiar do perigo, J.A. foi rendido ao recepcionar a quadrilha, depois o filho C., que se encontrava dentro de casa, também ficou soo o domínio do bando. Começou aí a sessão de tortura, com pai e filho espancados, tendo os braços e pernas amarrados com arame farpado, cabos elétricos e presilhas plásticas.

Pouco depois chegou outro filho de J., L.C.A., de 42 anos, que também foi imobilizado e torturado. A todo o momento, os marginais queriam onde estavam o dinheiro e objetos de valor, revirando todo o imóvel.

Os bandidos chegaram a jogar gasolina e queimar os braços das vítimas. Ficou evidente que eles conheciam os moradores do imóvel, quando perguntaram sobre um outro filho de J.A., que mora no Naque e trabalha como taxista. L.C. foi o mais agredido pelos criminosos, recebendo socos e coronhadas das armas de fogo.

Após mais de três horas de permanência no local, os marginais fugiram levando, entre vários objetos, dois celulares, uma motosserra, R$ 650, três aparelhos de TV e dois pneus de motocicleta. Foram roubadas também a picape Fiat Strada de cor preta, placas OXK-4700, e ainda a moto Honda Bros branca, placa OXH-6288.

As vítimas só foram libertadas com a chegada de um funcionário da fazenda, depois de mais nove horas amarradas. Após um primeiro atendimento na Policlínica de Açucena, os três feridos foram transferidos para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Ipatinga, onde foram medicados nesta terça-feira e apenas um ficou internado em observação.

A Polícia Militar também foi acionada e uma verdadeira força-tarefa, com policiais de toda a região, está atuando no sentido de localizar e prender os autores. Alguns suspeitos, inclusive conhecidos da família das vítimas, foram identificados, e estão na alça de mira dos militares.

Enviada para o WhatsApp Portal Diário do Aço

Enviada para o WhatsApp Portal Diário do Aço



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Ed Nelson

25 de Abril, 2017 | 22:11
mais uma herança petista de 13 nos de desgraça no Brasil, violência sem controle e sem leis, cidadão desarmado e indefeso, direitos humanos para bandidos.

Joanesia

20 de Abril, 2017 | 10:52
Cade a policia de joanésia,ata esqueci que la não tem cade a policia de mesquita este roubo tem relação com os praticados em joanésia torturar as vitimas,ameaçar colocar fogo na casa,usar Fita Hellerman,e conhecer as vitima pra mim só falta eles terem usado uma calibre 28,e entre joanésia e açucena é só atravessar o rio coisa que eles já fizeram quando estiveram na fazenda olaria desses 2 ou três é os mesmos que a policia não consegue pegar,1 ou 2 é os que conhecem as vitimas,minha dica é rastrear esses celulares roubados não precisa nem de aplicativo.

Ze

20 de Abril, 2017 | 09:55
e isso ae q acontece com os morradores da zora rural o probre coitado se tiver uma arma de fogo dentro de casa pra defender sua familia e seu lar se a policia ficar sabendo vai e 5 viaturas e uns 20 policias pra prender ele e sua arma pra dizarmar ele para uns filho ta puta fazer isso . brasil toma vergonha vamos mudar isso

Luiz Fernando Martins

19 de Abril, 2017 | 18:08
o mundo vai de mal a pior... sobre o goveno, só temos a última esperança; Elegendo o Bolsonáro

Edgar Soares de Andrade

19 de Abril, 2017 | 15:05
Tem q matar.....
Não adianta prender não....se não vai dar prejuízo pra nós....
Por que é Nois q trata desses lixo la na cadeia....bando de vagabundos

Luiz Fernando Alves..

19 de Abril, 2017 | 13:13
O QUE EU ACHO ENGRAÇADO ..É QUE UMA PESTE DESSA COSTUMA TER MÃE TER ESPOSA,,,ETC..AÍ QUANDO CAI NA NA CADEIA E OS PULIÇA SENTA O CACETE VEM UMA INFELIZ DESSA QUE NÃO SOUBE EDUCAR O DEGRAÇADO...PEDINDO PRA RESPEITAR O ESTRUME...AÍ FICA DIFICIL NÉ..AÍ BANDIDO FICA A DICA SE VOCE VER ESSA NOTICIA PENSA DEZ VEZES ANTES DE VIRAR PRA IMPRENSA E AMEAÇAR AS PESSOAS AQUI FORA E EXIGIR RESPEITO COISA QUE NENHUM DE VOCES QUE ESTÃO AÍ DENTRO MERECEM..TROPA DE DEMONIO DO CAPETA.

Cap. Nascimento

19 de Abril, 2017 | 11:53
O Sistema queria uma população entregue e desarmada, conseguiu, no entanto, uma sociedade sem poder de reação. É preciso armar a população. Em tempos idos, os bandidos não chegavam arrombando a porta de casa do cidadão, pois sabia do risco de ser recebido com uma bala no peito e outra na cara. O crime quer respeito, e não ataca os políticos corruptos, atacam o pobre e o pai de família. O Revoltado tá certo, tem que trabalhar esses canalhas ai. SR. GOVERNADOR PIMENTEL, COLOCA O BOPE PRA TRABALHAR, O PESSOAL TÁ CRIANDO TEIA DE ARANHA E FERRUGEM NO QUARTEL EM BH.

Mateus

19 de Abril, 2017 | 09:59
Concordo com todos vcs !

David de Oliveira Costa

19 de Abril, 2017 | 08:19
Bom dia!
Muito perigoso isso lendo essa reportagem fico preocupado tenho pessoas parentes que trabalham nessas zonas rurais e como nao compensa ir todos os dias e voltar alugam uma casa e ficam la praticamente a semana toda sujeito a essas covardias só Deus mesmo pra proteger porque infelizmente o ser humano perdeu completamente o respeito pelo seu próximo, Deus proteja essa familia e todas as demais e que a justiça seja feita se nao pelo homem mas a divina nao falha

Revoltado

19 de Abril, 2017 | 07:46
Essa raça de vagabundo tinha que começar arrancando as unhas do pé e dá mão com alicate, depois corta as pontas dos dedos dá mão com Machado, depois coloca sal e gasolina e fogo nos ferimentos. Deixa amarrado pra sofrer bastante. Deixa esses verme sofre bastante antes de mandar eles pró colo do CAPETA!!! Uma desgraça dessa se tomar um tiro de 12 na cabeça e pouca vingança, eles tem de ser torturado e queimado aos poucos até ir pró inferno. O problema todo é que se a policia ainda que numa troca de tiros com uns bandido desses mata eles , ainda vai ter um bando de filha da puta que vai falar que a polícia agiu errado, usou excesso de força e por aí vai.. o polícia hoje não pode nem gastar uma caixa de bala por dia praxcombater a criminalidade, hoje o bom policial está totalmente amarrado, travado. Se mata um bandido a trabalho ele vai diretamente preso não dorme em casa até que seja feita as investigações. Não sei nem pra que dá polícia anda armando. E muito triste..... A 20 30 atrás o bandido tinha medo dá policia, sabia que o pau quebrava mesmo, hoje o cara ri na cara dá policia e o policial não pode nem dá uma porretada na cabeça do cara por que vai ter quem defende um vagabundo deste aí tipo que torturou esse senhor!!!!

Josué

19 de Abril, 2017 | 07:22
A maioria destes políticos que estão no poder não querem fazer a reforma do código penal, a constitucional..., eu já decidi, só votarei em militares, a começar pelo ano que vem! Chega do tal politicamente correto! A população de bem tem que ter direito a ter uma arma para se defender, principalmente a da zona rural. Menores de idade hoje, só não podem trabalhar, mas podem roubar, assaltar, assassinar..., e ficar de boa. e Você? Ah! Querem que trabalhe até morrer com alta carga tributária ganhando na maioria das vezes R$ 937,00, e o bandido? O Rouba..., faz o escanbal com vc, e vc tem que pagar impostos para tratar dele na cadeia e dar a ele um auxílio reclusão de R$ 1292,43. BOLSONARO EM 2018!

Joao Vicente

19 de Abril, 2017 | 01:02
Vivemos em um país decadente, onde os valores são invertidos, as nossas Leis defendem mais bandidos, pois dão direito deles andarem armados, torturarem e mesmo com a eficiência da nossa polícia que acredito que vão prende-los, não acredito que permaneceram muito tempo na cadeia! E quanto a tortura? não serão julgados, pois os direitos humanos vão dizer isso não aplica ao caso.

Jose

18 de Abril, 2017 | 22:21
ALÔ PREFEITOS,VEREADORES, DELEGADOS, COMANDANTES DA PM, JUÍZES VOCÊS TEM MUITA FORÇA PRECISAM SE UNIR CRIAR LEIS LOCAIS NÃO FIQUEM ESPERANDO POR PRESIDENCIA LÁ TA ESTRAGADO COM DEFEITO, VOCÊS NÃO,ENTÃO BORA BOTAR MORAL NA REGIÃO , CADE VOCES

Joao

18 de Abril, 2017 | 22:15
Gente, sem palavras, olhem as mãos desse senhor, mãos de um trabalhador honesto, na hora de seu santo descanso em sua santa casa, um bando de vermes nojentos, vagabundos invadem sua casa e de sua sagrada família para lhe tirar o que foi conseguido com muito suor e ainda não satisfeitos os torturaram. Queria muito saber se alguma autoridade lê uma matéria dessa e se ler o que sentem. Acho que não lêem porque não fazem nada, É HUMILHANTE, REVOLTANTE E NOJENTO, passou da hora das autoridades se coçarem e apertar a quem de direito a mudar essa velha e insignificante lei brasileira, esses caras em brasilia discutindo quem levou mais e o país se deteriorando. VERGONHOSO , PRISÃO PÉRPETUA OU PENA DE MORTE PARA CADA VERME QUE COMETE ESSE TIPO DE CRIME E VOCÊS AUTORIDADES BOTEM VERGONHA NA CARA ESQUEÇAM UM POUCO AS PROPINAS E VAMOS AGIR SEUS INCOPETENTES,
SALVEM NOSSO PAÍS, SOCORRO SOCORRO SOCORRO, ALÔ TRUMPH VENHA NOS VISITAR
Envie o seu Comentário