19/04/2017 11:17:00

Qual é a essência da sua marca?

Lucas Saad



Divulgação

O consumidor tem exigido cada vez mais das marcas presentes no mercado. Se você tem uma marca, deve saber que ela não pode simplesmente vender um produto: a ela devem estar atrelados os valores e a filosofia daquela determinada empresa. Com essa mudança de comportamento por parte do público consumidor, a essência de uma marca tornou-se algo fundamental. Mas afinal, o que é essa essência? 

A essência nada mais é que uma extensão da filosofia e dos valores de seus fundadores a um produto ou serviço oferecido no mercado. De uma maneira geral, essência é aquilo que é básico, a mais importante característica de um ser ou de algo, o que lhe confere uma identidade, um caráter, criando associações nas pessoas que acabam orientando suas escolhas.

Por exemplo: é muito difícil ver um entusiasta da Harley-Davidson ou da Apple comprando produtos concorrentes. Isso acontece justamente pela forte relação emocional que o público tem com essas marcas, as associações com seus estilos de vida e suas aspirações.

Agora você deve estar se perguntando: como eu descubro essa essência? É justamente aí que entra o trabalho do branding — ou gestão estratégica de marcas —, realizando todo um estudo para resgatar e entender os reais valores de determinada empresa e seus fundadores. Depois de descoberta a real essência da marca, ela deve ser deve ser difundida em todos os setores da empresa e absorvida pelo público, para que assim sua autenticidade seja percebida de maneira consistente. 

Toda marca tem sua essência, seus valores, mesmo que eles não estejam muito claros a princípio. Quando uma empresa se preocupa com a sua essência, demonstra que seu propósito vai além de meras relações comerciais e que deseja fazer parte da vida daqueles que convivem com a marca.
 
* Fundador e diretor da saad branding+design (www.saad-studio.com).


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário