20/04/2017 17:55:00

Atlético e seus muitos problemas



Divulgação

Neste domingo as atenções se voltam para o campeonato mineiro, na partida de volta contra a URT no Estádio Independência, e como já venho comentando em colunas anteriores, o instável time do Galo tem encontrado grandes dificuldades para vencer os seus adversários.

A equipe tem um goleiro reserva que não assume a postura de um bom goleiro, com falhas incríveis, tem uma defesa com dois laterais que apoiam bastante o ataque, mas não tem nenhuma cobertura, e um miolo de zaga que também não se explica e se torna presa fácil para qualquer adversário.

Diga-se, de passagem, que o único time grande que o Atlético enfrentou nesta temporada foi o seu maior rival, e foi derrotado. Fora isso, só encarou até agora clubes do interior no Campeonato Mineiro e times também medianos na Libertadores.

Então, o que se esperar de uma equipe que não consegue se impor nem contra estas equipes? Qual a definição que o time precisa?

Porque manter Rafael Carioca, que desde a sua primeira convocação para a seleção brasileira não consegue acompanhar o ritmo do time, não consegue fazer uma cobertura e só se mantém na titularidade por determinação de um treinador que também não consegue se explicar?

Não venho falando isto apenas em razão da derrota de quarta-feira para o medíocre Libertad, do Paraguai, mas por uma sequência instável do time. As contratações foram apenas do meio campo e ataque, mas tem Adilson na reserva, que pode tranquilamente entrar no time.

O time precisa se explicar, principalmente o presidente Daniel Nepomuceno, que pode passar pela história do Atlético sem conquistar nenhum título.

Ele precisa buscar contratações para reforçar a defesa, não pode continuar com Gabriel, que não tem nenhuma experiência, e com Léo Silva, que tem experiência demais, mas não consegue acompanhar o ritmo de uma partida que exige muita força física.

Ou o time se define ou vai passar mais um ano sendo apenas candidato a alguma coisa, e não conquistando coisa alguma.

COPA DO BRASIL
O Cruzeiro conseguiu a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil, mas perdeu a invencibilidade com a derrota para o São Paulo, dentro do Mineirão, além de sofrer para buscar a classificação.

O time comandado por Mano Menezes não foi brilhante como na primeira partida no Morumbi, e teve muitas dificuldades para sair para o jogo, principalmente pela boa marcação da equipe paulista.

Mas como fez um resultado importante na primeira partida, obrigou ao time paulista a sair para o ataque e, mesmo com a derrota, está na próxima fase da competição, onde as equipes que estão disputando a Taça Libertadores estarão presentes.

COPA DO BRASIL I
Em sorteio realizado na sede da CBF, a próxima fase da Copa do Brasil terá os seguintes jogos com os respectivos mandos de campo:

JOGOS DE IDA
Palmeiras x Internacional, Grêmio x Fluminense, Botafogo x Sport, Santa Cruz x Atlético Paranaense, Cruzeiro x Chapecó, Paraná x Atlético Mineiro, Flamengo x Atlético Goianiense, Santos x Paysandu.

O Atlético joga a segunda partida em Belo Horizonte, e o Cruzeiro fará a segunda partida na cidade de Chapecó.

Acredito que o Internacional, Fluminense, Botafogo, Atlético Paranaense, Cruzeiro, Atlético, Flamengo e Santos estarão na próxima fase da competição, alguns com mais dificuldades, como o caso do Atlético, Fluminense e Internacional.

LEMBRANÇA
Alguns jogadores do Ipaminas no ano de 1964: Cacareco, Raimundo Martins, Nadinho, Toni, Nilson, Valdir, Sabará, Floriano, Paulo Boy, Salvador, Osvaldo e Bolonezi.

Este time fez uma grande história no nosso futebol, mesmo tendo sido campeão ipatinguense apenas uma vez, com um gol de Márcio Guedes “Marreco”. Mas sempre foi uma equipe muito respeitada no Vale do Aço.

Contatos com a coluna: roberto50mg@hotmail.com.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário