05/05/2017 19:04:00

Nippon Steel



Divulgação


Na quarta-feira, 3, os japoneses Kazuhiro Egawa, executivo da Nippon Steel Corporation, Osamu Nakagawa, Diretor-chefe da empresa em Belo Horizonte, e Shigetaka Higara, diretor administrativo, estiveram reunidos com o presidente da Liga de Desportos de Ipatinga, Roberto Xavier, os clubes filiados e personalidades da comunidade esportiva e de outros segmentos, para assinatura de um convênio do grupo japonês com a entidade, para apoiar as competições de base da entidade.

A proposta é destinar recursos para que os clubes tenham material esportivo e também recursos para que a entidade possa realizar todas as competições das categorias de base.

A Nippon Steel dá um grande exemplo, um passo importante para engrandecer o esporte amador de nossa região. Com mais de 60 anos de atuação na região do Vale do Aço, a Nippon aposta, mais uma vez, na integração com a comunidade, o que é uma marca desta grande empresa.

O trabalho foi árduo, foi preciso buscar parceiros para que uma reunião pudesse acontecer com o grupo nipônico, pois a diretoria da LDI sabe da seriedade dos japoneses quando se trata de liberar recursos e também se envolver com a comunidade onde eles estão presentes.

Com os recursos liberados, a Liga de Desportos de Ipatinga poderá dar continuidade ao seu projeto de valorizar as categorias de base, pois ainda aguarda a liberação dos recursos da prefeitura. A parceria com o grupo japonês vai valorizar o nosso esporte. Na apresentação e assinatura do convênio, o dirigente da Nippon foi claro ao dizer que o grupo japonês está apenas começando a investir no esporte da cidade, e que a proposta é manter este apoio, principalmente aos jovens valores do nosso futebol.

TERNIUN/TECHINT
O outro sócio da Usiminas poderia seguir o exemplo do grupo japonês e investir no futebol da região. E uma grande oportunidade seria fazer uma parceria com o Ipatinga, que retorna ao futebol profissional para tentar resgatar a sua história na cidade. O investimento do outro sócio poderia ser o ponto de partida para o clube profissional, para se reerguer e dar continuidade à sua vida.

CLÁSSICO
Amanhã teremos a última partida do Campeonato Mineiro da primeira divisão, com Atlético e Cruzeiro voltando a campo para uma nova decisão. A primeira partida no Mineirão terminou sem gols, e amanhã o Cruzeiro precisa vencer o jogo para conquistar o título da temporada.

Mano Menezes não deverá ter problemas para escalar a equipe e deve ir a campo com força total, um time que tem um ataque rápido, um meio-campo talentoso e uma defesa que ainda inspira cuidados por falta de entrosamento. E também sem a cobertura do meio-campo, que às vezes se posiciona mais no apoio ao ataque do que na proteção à sua defesa.

Pelo lado atleticano, Roger Machado vai tentar buscar o título e já disse que não irá pensar apenas no regulamento, mas na vantagem que tem. Neses contexto, não será surpresa a definição por um esquema mais cauteloso, mas sem deixar o time celeste à vontade para pressionar o gol de Victor.

Otero e Cazares devem estar entre os titulares, principalmente pelo que jogaram no meio de semana, quando o Galo goleou e praticamente encaminhou a sua classificação no grupo 6 da Libertadores.

Robinho, Fred e Rafael Moura formariam um trio bastante agressivo, mas Roger Machado não deve ser ousado pelo menos no início da partida, apesar de ter condições para tentar surpreender o adversário com um time forte no meio-campo e no ataque. Agora é esperar e aguardar com expectativa o que os treinadores devem fazer para conquistar o título estadual.

LDI
Mesmo assinando um convênio com a empresa japonesa, a direção da entidade e também os clubes filiados aguardam uma posição da Prefeitura de Ipatinga na questão da renovação do convênio, pois já estamos no mês de maio e as competições serão intensificadas.

Já houve manifestação dos clubes, que esperam a participação do poder público para que possam caminhar com tranquilidade ao longo da temporada. E houve uma promessa do poder público no sentido de liberar recursos para o futebol amador, por entender que o esporte é um direito social.

LIBERTADORES
O Galo não teve dificuldades para vencer o Sport Boys, na Bolívia, na partida de quarta-feira da fase de grupos da Taça Libertadores da América. Foi um time com quatro alterações, com jogadores reservas, e conseguiu aplicar uma goleada, encaminhando a sua classificação para a fase de mata-mata.

O importante é vencer na última rodada da fase classificatória no Independência, para terminar com a preferência de jogar a segunda partida em seus domínios, com adversários teoricamente mais fracos. Mas é preciso ficar claro que na Libertadores não tem nenhum confronto fácil para qualquer clube, principalmente os brasileiros, que sofrem maior pressão quando entram na fase de eliminação.

LEMBRANÇA
Domingos Ferreira Neto já foi quase tudo em um clube de futebol: atleta e dirigente, sempre ligado ao Panorama Esporte Clube, time do seu coração. Netinho atua agora no Centro Esportivo e Cultural 7 de Outubro.

Contato com a coluna: roberto50mg@hotmail.com.


Reação dos Leitores





Envie o seu Comentário