11/05/2017 10:59:00

Animes e Mangás conquistam os brasileiros



Divulgação

40ª edição do Anime Festival será realizado nos dias 20 e 21 de maio (sábado e domingo), no Minascentro (Rua Guajajaras, 1022, Centro), na capital mineira

A cultura oriental e tudo que envolve personagens de animes e mangás vêm atraindo o público brasileiro de todas as idades. Prova disso é o crescimento deste mercado no país, principalmente, no segmento editorial, com as vendas de quadrinhos crescendo, e se desponta nesse nicho os mangás. De 2014 para 2015 o crescimento foi de mais de 10%.

Esse público vem ganhando espaço até no horário nobre da TV. Novela "A Força do Querer", da Rede Globo, o ator Drico Alves dá vida a Yuri, jovem que apresenta aspectos da arte do cosplay em seus figurinos diários, inspirados sempre em personagens de animes e mangás.

Em Belo Horizonte, o Anime Festival é sucesso há 14 anos! O evento é um dos mais tradicionais focados nesta cultura, com quatro edições a cada 12 meses, e um público em média de cinco mil pessoas.

Entre esses fãs estão Paula Rodrigues, 23 anos que, desde 2017, não perde uma edição do festival. “Desde pequena sempre gostei de animes e mangás. Há 10 anos descobri meu hobby, o cosplay, no qual me fantasio dos meus personagens favoritos. Desde então, venho colecionando fantasias. Hoje tenho aproximadamente 15 delas”, conta a jovem.

Paula já prepara a fantasia para a 40ª edição do Anime Festival, que será realizado nos dias 20 e 21 de maio (sábado e domingo), no Minascentro (Rua Guajajaras, 1022, Centro), na capital mineira.

“Já estou na expectativa para participar do concurso de cosplay do Anime Festival, vou me fantasiar de Moana, do novo desenho animado da Walt Disney. Com essa fantasia já conquistei alguns prêmios no interior do estado”, revela empolgada.

O empresário Cesar Ikko, organizador do Anime Festival, afirma que o mercado mineiro é forte para esse segmento. “Belo Horizonte tem muitos fãs da cultura japonesa e, principalmente, de seus produtos, como animes, quadrinhos, seriados e filmes. Por isso investimos aqui e esperamos um público médio de mais de quatro mil pessoas nos dois dias do evento”, conta ele.

Na programação
Para esta edição do Anime Festival são muitas novidades e atrações, tanto inéditas quanto as mais pedidas pelo público nas redes sociais do festival. Dentro da programação já estão confirmados os bate-papos com os dubladores Alfredo Rollo e Wendel Bezerra.

Outro ponto alto do evento são os concursos, além do de ilustrações, não pode faltar o tradicional Campeonato de Cosplay, no qual os fãs se vestem e agem como seus personagens favoritos. No palco principal, os organizadores prometem muito shows com bandas do estilo J-pop, POP e Rock; presença de Youtubers e gincanas. Paralelo ocorrem torneios de Pokemon (Card Game e Nintendo DS), Card Game Marvel, torneios de Jogos Arcades, espaços com exibições de animes, sala temática Maid Café, estúdio cosplay e brinquedos infláveis.

Parceira do evento, a Saga, escola de games, artes e animação, mais uma vez marca presença com um stand dedicado aos jogos. Além de vários videogames, o público poderá se divertir na arena de Just Dance. Já no espaço da livraria Comix, que atualmente é a maior gibiteria do país, jovens e adultos poderão atualizar sua coleção de mangás. ”Ainda haverá diversas lojas de outros estados, como Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo, com produtos únicos e originais, sempre atraindo a atenção dos visitantes”, antecipa Cesar Ikko.

Ingresso solidário

O Anime Festival 2017 é um evento socialmente responsável e criou a campanha ‘Meia-entrada Social’. “Quem doar 1 litro de leite integral Longa Vida paga apenas a metade do valor do ingresso para participar do festival. A entidade escolhida para receber essa doação é o Hospital da Baleia. Queremos plantar essa semente de doação em nosso público e, assim, ajudar quem precisa”, completa o empresário.
MAIS FOTOS
Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Reação dos Leitores





Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário