19/05/2017 12:38:00

Emmanuel Macron na França: alívio e preocupação no mundo da moda

Wagner Penna e as novidades do mundo fashion



Divulgação


O novo presidente francês, Emmanuel Macron
MONDIALIZAÇÃO
A eleição de Emmanuel Macron na França provocou alívio e preocupação no povo da moda. Com seu discurso pró-globalização, todos temem que ele abra ainda mais as portas para os produtos importados, fato que está destruindo o saber-fazer moda francês. Como o setor contribui para a economia local mais até do que a indústria aeroespacial (vide Airbus), a apreensão se justifica.

Mas há quem ache que isso também pode levar o país a cair na realidade, citando, entre outras coisas, que as vantagens oferecidas aos trabalhadores na França são tantas que apenas um deles ganha o mesmo que 15 ‘companheiros’ seus na China. Sem comentários.

ZERO %
A semana fashion teve a notícia de que o governo de São Paulo zerou todos os impostos de produção e atacado do setor têxtil, do tecido ao vestuário. Isso mesmo: zerou todos os impostos. A única taxação sairá do bolso do consumidor final, no balcão, tal e qual acontece nos Estados Unidos.

Claro que isso estimulará a indústria de moda do estado vizinho, que, até aqui, cobrava 12% de ICMS a cada etapa de produção, gerando o nefasto ‘efeito cascata’. A reação em Minas Gerais foi imediata, e um grupo de sindicatos patronais, ligados ao segmento, já foi formado para requerer do governo mineiro o mesmo tratamento. Vamos aguardar.

Leca Novo/ Divulgação


A beleza de uma das peças de inverno da Cajo
PRONTAMODA
O segmento de moda ‘pronta-entrega’ (isto é, a lojista chega na confecção, compra as peças já prontas e as leva, imediatamente, para a sua loja) é o mais usado em Minas Gerais em seus principais polos de moda. Seu diferencial é uma moda mais elaborada, com estilo melhor desenvolvido e com pegada fashion mais refinada, e por isso mesmo, com produção menor.

Mas esses valores de boa moda e bom design precisam ser mais valorizados na roupa made in Minas. Pensando assim, algumas entidades de apoio ao setor estão programando uma Semana da Prontamoda Minas, que deverá ocorrer no final de julho, em Beagá. Depois eu conto mais.

////

VAIVÉM
* Saiu no site do Glamurama: a marca carioca The Paradise conseguiu um feito inédito, vestindo a cantora Maria Bethânia e fazendo um vídeo com ela apoiando a marca. O look da camisa de oncinha com uma calça azul de Dries van Noten ficou elegantíssimo. Tal e qual a nossa querida baiana de Santo Amaro da Purificação. Amém! ***

* Com pouco alarde, mas muitos novos nomes interessantes da moda se revelando por lá, foram ao ar na semana passada, em São Paulo, os desfiles da Casa Criadores, que acontecem há 20 anos e já revelaram gente como Ronaldo Fraga. Desta vez, dois mineiros estiveram na passarela: Ana Luiza Barros e Giorgi Philipi. ***

* O Dia das Mães, neste 2017, deve ter sido um pouco melhor para a moda. Afinal, um levantamento feito no setor do comércio fashion revelou que a crise acabou, levando para as roupas o dinheiro que não daria para comprar um carro ou uma joia muito cara. ***

* As chamadas coleções ‘cruise’ das grandes marcas, que alguns também chamam de coleções ‘resort’ – ambas remetendo a tempo de férias -, não vão bem neste ano. A Chanel errou, a Prada errou, e até a Dior lançou algo como um ‘velho oeste’, na Califórnia, muito feio. Cruizes!!!

PONTO FINAL - Uma frente de trabalho, visando consolidar Beagá como a ‘Capital da Moda’, foi realizada na Fiemg com a Comissão de Assuntos Metropolitanos. Para o presidente da comissão, Frederico Aburachid, várias ações serão feitas para fazer disso uma realidade. Entre elas está a definição do Distrito da Moda na cidade, já em andamento. Como se vê, a turma não está brincando em serviço.


Reação dos Leitores





Envie o seu Comentário