19/05/2017 17:45:00

Faixa Azul retorna ao Centro de Ipatinga

O prefeito relembrou que o principal ponto falho do equipamento é o não fornecimento de comprovante de pagamento, e que isto atrapalhava os usuários do sistema



Fernando Lopes
Wôlmer Ezequiel


Prefeito Sebastião Quintão anuncia assinatura do convênio com Apae para o serviço Faixa Azul

Com o anúncio da suspensão dos parquímetros na ruas do Centro, a Prefeitura de Ipatinga informou que o sistema de estacionamento rotativo Faixa Azul será reativado. O serviço será administrado pelo governo municipal até que se defina quem irá assumir o serviço público, por meio de concessão.

O anúncio foi feito pelo prefeito Sebastião Quintão (PMDB), na tarde desta sexta-feira (19). “Por não atenderem de forma adequada a população de Ipatinga, estamos rescindindo o contrato com a empresa dos parquímetros e tomamos o Faixa Azul, enquanto planejamos a implantação de um outro aparelho ou sistema de estacionamento rotativo”, afirma Quintão.

O prefeito relembrou que o principal ponto falho do equipamento é o não fornecimento de comprovante de pagamento, e que isto atrapalhava os usuários do sistema. “Pessoas que vinham a Ipatinga a trabalho não tinham como comprovar o gasto com estacionamento para seus empregadores, por exemplo. Este é um aparelho atrasado. Em viagem recente fui a uma cidade que tem um parquímetro que gera o tíquete de pagamento”, conta o prefeito.

Na oportunidade, o presidente da Câmara Municipal de Ipatinga (CMI), Nardyello Rocha, explicou que os vereadores endossaram o anseio da população de mudança do estacionamento rotativo. “Em uma demonstração de afinidade com a população e Poder Legislativo, o prefeito está buscando atender a solicitação enviada dias atrás”, destaca Nardyello.

O presidente da Casa Legislativa ressalta que, além da suspensão dos parquímetros, os vereadores solicitaram o cancelamento das multas e a manutenção dos agentes de trânsito. “No nosso pedido, temos esses três pontos, e é uma felicidade ver que estamos sendo contemplados”, avalia.

Aprovação

Para as entidades representantes dos empresários e comerciantes, o atendimento à continuidade de um estacionamento rotativo é importante para que haja controle nas vagas de veículos no Centro de Ipatinga.

O presidente da Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e de Prestação de Serviços de Ipatinga (Aciapi), Luís Henrique Alves, ressalta que a manutenção da cobrança é estratégica para o bom atendimento ao cliente.

“Nós queremos um sistema que atenda a todos que frequentam o Centro. Agradeço ao prefeito por atender o nosso pedido de manter o serviço de estacionamento rotativo, seja ele qual for. O estacionamento rotativo vem para democratizar o uso das vagas. Assim, o consumidor será sempre bem atendido e terá maior comodidade”, afirma.

Multas
Sobre as multas já aplicadas pelo sistema de estacionamento rotativo com os parquímetros, Sebastião Quintão informa que será analisada a viabilidade jurídica para o cancelamento de forma conjunta.

Também foi destacado por Sebastião Quintão que os agentes de trânsito, designados para a fiscalização do uso dos parquímetros, não perderão seus empregos. “Os agentes não serão mandados embora. Seus serviços serão utilizados de outro modo”, ressalta.

Veja mais:

Pedido de desativação dos parquímetros é acatado pela Prefeitura de Ipatinga

Convênio garante repasse de subvenção para a Apae

Em reunião, sexta-feira (19), também foi assinado o repasse de recursos públicos para a manutenção da Apae. A presidente da Apae, Ana Maria Andrade, saiu da reunião confiante.

“A Apae presta um serviço de excelência à comunidade de Ipatinga há 44 anos. Com o fim do convênio com a prefeitura, em 2016, passamos por muitas dificuldades. Aproveito para agradecer toda a equipe da Apae que, mesmo com quatro salários em atraso, continua a trabalhar com dedicação. Agora, ainda mais, teremos a certeza que a instituição continuará a garantir os direitos e melhoria de vida das pessoas com deficiência”, pontua a presidente.

Desde o começo do ano diversas entidades assistenciais já assinaram o "termo de colaboração 2017", que na prática é o antigo convênio para repasse de dinheiro público, agora sob novo formato legal.


Reação dos Leitores





Comentários

José Geraldo de Assis

20 de Maio, 2017 | 07:36
Apoio integralmente o retorno da APAE ao controle do estacionamento em Ipatinga. Porém quero saber quem vai devolver o dinheiro dos créditos que coloquei no cartão do parquímetro.

Jose Salumao Filho

19 de Maio, 2017 | 21:40
e so copiar o sistema de cel fabriciano, onde voçe coloca creditos ate pela internete. controla saldo, e tem o recibo. parabens prefeito ao deixar que a apae explore o estacionamento.
Envie o seu Comentário