18/06/2017 10:50:00

Adolescente é baleado no Mangueiras

Vítima de 17 anos foi alvo de tiros no início da noite de sábado. Polícia procura outro jovem com quem ele estava no momento dos tiros e o dono de uma motocicleta,encontrada abandonada nas proximidades



Google


O local do crime foi no final desta rua, no Mangueiras

O adolescente D.A.S., de 17 anos, foi alvo de tiros no início da noite deste sábado, no bairro Mangueiras, em Coronel Fabriciano. A vítima foi baleada em um matagal existente na rua Atlético, no bairro Mangueiras, em Coronel Fabriciano. A polícia tenta localizar dois suspeitos, que estariam no local do atentado, porém eles não foram encontrados.

Os familiares da vítima relataram que D.A. e um amigo dele escutaram um barulho vindo de um matagal e área de pasto existente atrás da casa do adolescente. Ele pegou uma foice e, acompanhado do outro rapaz, entrou para verificar quem era a pessoa que não respondia os gritos para se identificar.

Minutos depois, os familiares escutaram mais tiros, oito disparos, no total. Pouco depois, surgiu D.A.S. saindo do matagal todo ensanguentado. Um morador socorreu a vítima, que foi atingida por cinco tiros, dos quais, dois na mão esquerda, dois no braço direito e um no ouvido esquerdo. O ferido foi levado para o Hospital Vital Brazil/São Camilo, em Timóteo, onde foi socorrido e ficou internado.

Os policiais militares acionados não conseguiram localizar o amigo do adolescente, rapaz que poderia ter presenciado o crime. Ele não estava no matagal e passou a ser procurado, pois também poderia estar ferido ou até morto.

Uma motocicleta estava estacionada nas proximidades, de onde havia uma entrada para o matagal. Por meio da placa o proprietário do veículo foi identificado. Os policiais militares foram à residência do dono da moto, que também foi encontrado.

As buscas continuam para localizar o amigo da vítima. A polícia já sabe que os dois tinham discutido antes do fato. Também permanecia desaparecido o dono da moto encontrada nas proximidades do local da tentativa de homicídio.


Reação dos Leitores





Envie o seu Comentário